Anatomia e Fisiologia da Galinha

O aparelho urinário e reprodutor do galo

O aparelho urinário é composto pelos rins, situados no meio do dorso, sendo formados, cada um, por três lóbulos. A função dos rins destina-se a retirar do sangue, substâncias prejudiciais nele existente e eliminá-las pela a urina. A urina é conduzida de cada rim para a cloaca por dois tubos chamados ureteres.

Nas aves a urina mistura-se com as fezes, sendo expulsas pela cloaca para o exterior, ao contrário dos mamíferos que o fazem por órgãos diferentes. Esta explicação serve de resposta à crença popular de que as “galinhas não urinam“.

Aparelho Reprodutor do macho

Sistema urinário e reprodutor do galo

O aparelho reprodutor do macho tem órgãos essenciais com o objetivo da produção de células reprodutoras masculinas, os espermatozóides, e de outros secundários, que se encarregam de condução dos espermatozóides.

Os órgãos primários são os testículos e os secundários, são dois condutos, um para cada testículo, chamados de canais diferentes, que terminam também na cloaca.

Os testículos estão formados numa grande quantidade de tubos microscópicos chamados condutores seminíferos, cujas paredes desprendem-se as células reprodutoras, os espermatozóides, que terminam nos canais diferentes.

Os testículos têm uma cor amarelada e estão situados na parte anterior dos rins. Os canais diferentes terminam numa pequena eminência localizada na cloaca e que é, na realidade, um órgão copular rudimentar.

O galo normalmente produz 0,2cc. de esperma por ejaculação e 0,5 a 2cc. por dia. A produção máxima é em abril e maio, e a mínima, em setembro. O número médio de ovos fecundados por ato reprodutor é de oito.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *